Home / Notícias / Setembro Vermelho

Setembro Vermelho

 Comissão aprova o ‘Setembro Vermelho’ para incentivar a doação de órgãos no PR
A Comissão de Obras Públicas, Transportes e Comunicação da Assembleia Legislativa aprovou, na segunda-feira (25), o projeto de lei 312/2015, do deputado Nereu Moura, que institui o “Setembro Vermelho” dedicado a ações de esclarecimento e incentivo a doações de órgãos e tecidos no Paraná. A normativa, que recebeu parecer favorável do relator, deputado Paulo Litro (PSDB), já foi aprovada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).
A doação de órgãos, na avaliação de Nereu Moura, é um ato de amor extremo, de enorme respeito pela vida e de solidariedade. “De toda a cadeia de processos que envolvem um transplante de órgão, o componente mais importante é o doador”, lembra o deputado. “Daí a importância desta nossa propositura”, reforçou. No Paraná, 46% das famílias se recusam a autorizar a doação de órgãos, segundo o Instituto para Cuidado do Fígado.
A proposta, incluindo o período no Calendário Oficial de Eventos do Estado recebeu posicionamento favorável da Secretaria Estadual de Saúde. “Considerando que trata de ações que contribuem para a ampla divulgação do tema ‘Doação de Órgão. Fale sobre isto!’, contribuindo para ampliar a discussão e conscientização da comunidade acerca do assunto”, justificou o secretário Michele Caputo Neto.
Conscientização
As ações de conscientização previstas no projeto serão desenvolvidas pelo Poder Público em cooperação com a iniciativa privada e entidades da sociedade civil organizada. O Paraná registrou, no ano passado, crescimento superior a 31% no número de transplantes, em relação a 2014, maior índice no período, desde que foi criada a Central de Transplantes, em 1995.
Apesar do aumento, o Paraná ainda tem uma longa fila de espera por transplantes, o que motivou o deputado a apresentar o projeto. Só em Londrina, por exemplo, mais de 300 pessoas aguardam uma doação. “Um transplante bem sucedido, não salva apenas uma vida, mas também permite o resgate da saúde física e psicológica de toda a família envolvida com o paciente transplantado”, acredita Nereu Moura.
Com a proposta, o parlamentar busca chamar a atenção da população e ampliar o número de doações e transplantes no Estado. Nereu Moura lembra que no dia 27 de setembro é comemorado o Dia Nacional de Doação de Órgãos, daí a ideia de criar o mês da Doação de Órgãos, semelhante ao “Outubro Rosa” e “Novembro Azul”, dedicados a conscientizar sobre a importância de cuidar da saúde da mulher e do homem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *